O Manchester United cedeu hoje um empate no reduto do Fulham e deixou assim escapar o Chelsea, que continua a golear os adversários como fazia na época passada.

Esta tarde, a equipa de Alex Ferguson até entrou bem com o golo de Paul Scholes (11'), o 150º com a camisola do United, mas permitiu a reacção da equipa da casa, que lutou e foi premiada aos 57' com o empate, da autoria de Davies.

O resultado final só se escreveu ao cair do pano sobre a partida, num epílogo emocionante e onde o triunfo podia ter caído para qualquer uma das equipas.

Aos 84', o United ganha vantagem graças ao auto-golo de Hangeland, após canto de Nani.

O internacional português tinha estado em destaque pela positiva, mas desfez essa imagem ao falhar aos 87 minutos o penálti que daria o 3-1 para os red devils e confirmaria o triunfo.

De vilão a herói passou Hangeland, que acertou a mira e fez o 2-2 no minuto 90, com um cabeceamento que Van der Sar não soube evitar.

O Manchester United soma agora dois pontos em outros tantos jogos e está já a quatro pontos do campeão e líder Chelsea.

No outro jogo do dia, o Newcastle, que subiu este ano à Premier League, 'brindou' o Aston Villa com mais uma goleada por 6-0, a terceira desta ronda, depois das vitórias dos colossos Chelsea e Arsenal sobre Wigan e Blackpool, respectivamente.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.