"Daqui fala David Luiz, em conversa com... David Luiz", é assim que o antigo defesa do Benfica inicia uma conversa intimista sobre a sua carreira no canal de Youtube 'OTRO'.

Em género de retrospetiva, David Luz recorda os bons e os maus momentos do futebol, desde o momento em que deixou a casa dos pais, à chegada ao Chelsea, passando pelo Benfica.

"Deixei a minha casa quando tinha 14 anos para tentar jogar futebol. Para mim foi muito complicado. Não sabia bem o que estava a fazer e quão difícil iria ser, mas acho que foi ainda mais complicado para a minha mãe e para o meu pai, porque estavam a deixar o seu filho querido sair de casa e não sabiam como poderiam tratar dele tão longe de casa. Lembro-me que demorava 36 horas para chegar de autocarro a Salvador! Mas nessa altura era apenas uma criança que estava a sair de casa, a ter a liberdade de jogar futebol. Depois disso percebi as dificuldades que iria passar. Mas como já disse antes, a paixão estava aqui", começou por revelar.

"A minha vida no futebol foi um pouco louca e tive de tomar muitas decisões rápidas, especialmente para me tornar profissional. Lembro-me que de forma a jogar numa equipa com 18 anos tive de mudar de posição aos 16 quando estava sempre no banco. Nessa altura, dois jogadores lesionaram-se e o treinador disse 'não tenho outro defesa'. Mal ele disse isso, entrei no seu escritório e disse 'agora tens aqui um'. E foi aí que surgiu a minha chance de ser futebolista", admitiu ainda.

Por fim, chegaria a oportunidade de deixar o Brasil. "No Vitória dei o meu melhor e surgiu a possibilidade de ir para o Benfica, para ir para a Europa. Só temos de acreditar e tentar fazer coisas grandes, porque se não tentares, nunca saberás se podes ou não. Nessa altura pensei para mim 'miúdo, vai lá e aproveita'. Estava feliz por entrar num avião, por ter a possibilidade de ir em executiva logo na minha primeira viagem, por estar a desfrutar de todos os momentos. Cheguei à Europa sem um casaco e sem qualquer roupa de inverno porque chegava de Salvador. Cheguei no último dia de janeiro e estava tanto frio... Mas era um sonho e eu era um miúdo feliz a viver o sonho, porque no Brasil todos os jogadores querem ter a oportunidade de jogar na Europa", acrescenta.

"Depois da minha passagem no Benfica, tomei a decisão de ir para o Chelsea no último dia de mercado e não foi uma decisão fácil, porque adorava Portugal, adorava o Benfica e estava muito bem adaptado. Já me tinha acostumado ao tempo. Foi complicado, mas foi uma grande decisão, mas fui para a melhor liga do Mundo e fui para um clube onde ganhei imensas coisas e aprendi imenso", referiu o central brasileiro.

Atualmente ao serviço do Arsenal, David Luiz chegou ao Benfica na temporada 2006/2007, vestiu a camisola dos encarnados durante cinco épocas, até deixar a Luz para rumar a Inglaterra.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.