A Confederação Africana de Futebol (CAF) vai contribuir com 500 mil dólares para a preparação de cada uma das cinco equipas africanas qualificadas para o Mundial2018, disse hoje o presidente da CAF, Ahmad Ahmad.

“Em termos de futebol, cada federação está atrás da sua equipa e nós também estamos”, disse Ahmad Ahmad em entrevista à AFP, na sede da CAF, no Cairo.

O dirigente acrescentou que se trata de uma contribuição, com uma quantia modesta, de acordo com os meios disponíveis.

As verbas destinam-se à preparação de Egito, Marrocos, Nigéria, Senegal e Tunísia, para o Mundial2018 na Rússia, que decorrerá de 14 de junho a 15 de julho.

“É o desejo, a oração de qualquer cidadão africano. Depois disso é no campo que acontece”, disse o presidente, quando questionado sobre uma possível vitória africana na competição.

A seleção de Marrocos integra o grupo B, juntamente com Portugal, com encontro marcado para dia 20 de junho, Espanha e Irão, de Carlos Queiroz.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.