Carlos Queiroz não ficou satisfeito com a exibição do árbitro sérvio Milorad Mazic durante o jogo entre o Irão e a Argentina. Questionado sobre a atuação da sua equipa, o técnico português elogiou os seus jogadores mas deixou críticas ao árbitro sérvio, que já tinha apitado o Alemanha 4-0 Portugal.

"Não estou desapontado, estou muito feliz! Hoje foi uma lição de humildade... E no jogou houve duas pessoas que fizeram a diferença. Primeiro o árbitro e depois Lionel Messi", disse o português, que logo de seguida abandonou a flash interview.

Na segunda parte do jogo, e numa altura em que o Irão se aproximava com frequência das redes argentinas, Zabaleta desarmou Reza na grande área da Argentina, num corte que parece ter sido ilegal, mas o árbitro não assinalou a grande penalidade.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.