O presidente do Lyon, Jean-Michel Aulas, confirmou hoje as contratações dos brasileiros Sylvinho, para o cargo de treinador de futebol, e Juninho, para diretor desportivo.

“O Juninho vai juntar-se a nós em breve. Ele vai ter quase a totalidade das responsabilidades desportivas”, afirmou o líder do Lyon, que hoje assegurou a terceira posição da Liga francesa e um lugar na pré-eliminatória da Liga dos Campeões.

O presidente explicou que Sylvinho “foi uma escolha de Juninho”, acrescentando: “Ele não tem muita experiência como treinador principal mas, sem o querer comparar com Zidane, vemos que grandes ex-jogadores podem integrar-se rapidamente em projetos ambiciosos”.

Juninho, de 44 anos, representou o Lyon entre 2001 e 2009, tendo conquistado sete títulos de campeão consecutivos e uma Taça de França.

Sylvinho, de 45 anos, desvinculou-se recentemente da federação brasileira, na qual desempenhava os cardos de adjunto do selecionador principal, Tite, e de treinador da equipa olímpica.

Como jogador, o futuro técnico do Lyon representou o Corinthians, o Arsenal, o Celta de Vigo, o FC Barcelona e o Manchester City.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.