O Puskas Arena, em Budapeste, vai acolher a final da Liga Europa em 2022, enquanto o Olímpico de Helsínquia será palco da Supertaça europeia no mesmo ano, anunciou hoje o Comité Executivo da UEFA.

Na véspera do seu 44.º congresso, que decorrerá em Amesterdão, a UEFA decidiu também designar o Kazan Arena, na Rússia, como palco da Supertaça Europeia de 2023.

Nas competições europeias de futebol feminino, as finais das Ligas dos Campeões de 2022 e 2023 vão disputar-se no Estádio da Juventus, em Itália, e no Estádio Philips, nos Países Baixos, respetivamente.

Em setembro do ano passado, a UEFA anunciou que os estádios de São Petersburgo, na Rússia, Allianz Arena, em Munique, e Wembley, em Londres, irão acolher as finais da Liga dos Campeões de futebol de 2021, 2022 e 2023, respetivamente.

O Comité Executivo da UEFA decidiu ainda, em setembro, que a final da Liga Europa de 2021 vai decorrer no Estádio Ramón Sánchez Pizjuán, em Sevilha, enquanto a Supertaça Europeia terá lugar no Winsor Park, em Belfast, na Irlanda do Norte.

A final da Liga dos Campeões desta época vai ser realizada no Estádio Atatürk, em Istambul, o jogo decisivo da Liga Europa terá lugar na Arena Gdansk, na Polónia.

A Supertaça Europeia de 2020 terá lugar no Estádio do Dragão, no Porto.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.