"Muitos parabéns pela sua carreira. Não é fácil para um árbitro e árbitros auxiliares portugueses chegarem a uma meia-final da Champions e ao Mundial", afirmou Mourinho, em declarações à Agência Lusa.

O treinador português considerou que jogos como o AC Milan-Manchester, um dos encontros que Benquerença apitou esta época, e Inter-Barcelona "são jogos que se dão aos melhores".

José Mourinho, que em 2001 viu Olegário Benquerença assinalar três grandes penalidades contra a União de Leiria num encontro com o Santa Clara (3-3), disse já nem se lembrar desse episódio.

"Já não me lembro dos três penaltis no Leiria-Santa Clara. Eu sou melhor treinador do que era, e o Olegário é melhor árbitro do que era", referiu.

O técnico dos campeões italiano minimizou o facto do árbitro do encontro, a disputar a 20 de Abril em Milão, ser português, recordando um caso antigo, quando orientava o Chelsea.

"Português? Qual é o drama, na meia-final Liverpool-Chelsea, com Benitez como treinador, o árbitro foi o espanhol Mejuto Gonzalez", disse.

Mourinho garantiu que o seu objectivo para o encontro está definido, bem como o de Olegário Benquerença: "Eu quero ganhar o jogo e ele quer fazer a arbitragem perfeita".

A equipa orientada por José Mourinho visita o actual campeão europeu a 28 de Abril, no encontro da segunda mão.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.