Um golo de Alex Telles, de grande penalidade, no prolongamento permitiu ao FC Porto vencer a Roma, por 3-1, e qualificar-se para os quartos de final da Liga dos Campeões de futebol.

Depois da derrota em Roma, por 2-1, o brasileiro Soares (26 minutos) e o maliano Moussa Marega (52) marcaram os golos dos 'dragões' no tempo regulamentar, com Daniele de Rossi (37) a marcar para os romanos, de grande penalidade.

Com o golo de Alex Telles, aos 117 minutos, o FC Porto regressa aos quartos de final da Liga dos Campeões quatro temporadas depois.

No final do encontro, Felipe foi um dos porta-vozes do plantel do FC Porto para frisar a importância deste resultado para o grupo liderado por Sérgio Conceição.

"Queríamos resolver tudo no tempo regulamentar, mas a AS Roma também tem muita qualidade e acabou por empatar. Mas sabíamos que tínhamos o que era necessário para passar e o treinador passou-nos a estratégia certa. Depois de termos sido muito precipitados na primeira mão, desta vez tivemos mais paciência e conseguimos abrir espaços na defesa da Roma e fomos atrás do objetivo", começou por referir o central brasileiro do FC Porto.

"Neste momento, o mais importante é disfrutar. Não são todas as equipas que conseguem chegar aos quartos de final desta competição, depois logo se vê", sentenciou.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.