O Benfica sofreu na quarta-feira a segunda derrota em dois jogos no Grupo F da Liga dos Campeões em futebol, ao perder por 3-1 com o Zenit. Dzyuba, aos 22 minutos, Rúben Dias, aos 70, na própria baliza, e o iraniano Azmoun, aos 78', apontaram os tentos dos campeões russos, enquanto, aos 85', Raúl de Tomás estreou-se, finalmente, a marcar pelos ‘encarnados’.

Num jogo em que a prestação do Benfica foi alvo de várias criticas junta-se agora mais uma. Atualmente a jogar no Zenit, o ex-FC Porto Yordan Osorio falou do encontro com os encarnados.

"Somos fortes no contra-ataque, estivemos muito bem, compactos e unidos, e isso foi muito importante para conquistar a vitória", referiu o central.

De seguida, Osorio acrescentou que era importante afastar Pizzi da grande área, mas sublinhou ainda que não foi uma tarefa complicada. "É um grande jogador, com bastante qualidade. Era fundamental pará-lo. Não deu muito trabalho", concluiu Yordan Osorio.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.