Rúben Dias, defesa central português, admitiu que Itália colocou algumas dificuldades a Portugal, mas mostrou-se satisfeito pela equipa portuguesa alcançar a final-four da Liga das Nações.

Jogo: "Foi uma partida muito difícil, especialmente na primeira parte. A Itália é uma seleção muito forte, com muita dinâmica e criou-nos muitas dificuldades. Mas quero destacar a capacidade que equipa teve de aguentar, sofrer, de correr muito. Por vezes quando os ajustes não estavam bem, nós compensávamos de outra maneira com a atitude e disponibilidade física."

Melhoria no segundo tempo: "Na segunda parte conseguimos controlar melhor e ter mais bola. Tentámos chegar mais à frente para tentar fazer golo. Destaco o apuramento e o esforço da equipa. Foi um jogo muito difícil e neste jogo foi preciso algo extra. Ajustámos da maneira que conseguimos. Houve muita vontade de todos em estar na fase seguinte. Em momentos em que as dificuldades são maiores é preciso ter uma vontade extra. O jogo foi isto, uma Itália muito forte, com muita dinâmica, e nós a lutar com a nossa vontade e entreajuda pelo apuramento."

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.