Em entrevista ao jornal As, Óliver Torres explicou os motivos que o levaram a trocar o FC Porto pelo Sevilha. Apesar de estar feliz nos 'azuis e brancos', o médio espanhol admitiu que o facto de não ser titular indiscutível acabou por pesar na decisão.

"Estava feliz no FC Porto. Sentia o clube como a minha casa, mas também sentia que era o momento de dar um passo em frente na minha carreira. Achei que o Sevilha era a melhor opção", começou por dizer.

O jogador falou ainda sobre o reencontro com Julen Lopetegui, treinador que também passou pelo Dragão.

"Foi o treinador que mais me marcou. Conhece-me melhor que ninguém. Independentemente do treinador, a minha ambição era vir para o Sevilha. Claro que ajuda o facto de o Julen estar aqui, já me conhece e talvez por isso exija mais de mim", vincou.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.