Pep Guardiola marcou presença numa iniciativa da Fundação Johan Cruyff, em Barcelona, e à margem desse evento o treinador do Manchester City foi questionado sobre um regresso à cidade condal, salientado que isso será uma inevitabilidade.

"Presidente do Barcelona? Voltarei ao Barcelona mais cedo ou mais tarde. Como presidente...esqueçam. Para ser presidente tens que saber e tens que estar preparado, ter conhecimentos que eu não tenho. Tento ser bom treinador, porque mau não fui nesta década", salientou Guardiola.

O técnico catalão abordou uma possível ida de Neymar de Paris para a cidade condal e o ingresso de Griezmann no Barcelona.

"Neymar? Não vou dizer nada sobre isso, não me corresponde. Isso corresponde ao Barcelona. Vivi muito tempo neste clube e não quero que nenhuma frase minha seja mal interpretada", disse o técnico.

"Neymar e Griezmann, jogadores compatíveis? Tudo depende da ideia que tenham em mente o gabinete técnico e o treinador. Os bons são sempre bem-vindos nas equipas. Os dois (Neymar e Griezmann) são muito bons", acrescentou.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.