Os clubes profissionais espanhóis podem regressar aos treinos coletivos na segunda-feira, indicou hoje a Liga espanhola de futebol, depois de receber autorização do governo.

"Os clubes da Liga vão começar, a partir de segunda-feira, 01 de junho, os treinos coletivos, depois de o governo ter publicado hoje uma lei (...) para a redução de certas restrições", refere o comunicado do organismo que tutela o futebol profissional em Espanha.

De acordo com a Liga espanhola, esta decisão vai permitir que o campeonato recomece em 11 de junho, como o organismo já tinha previsto.

Em 23 de maio, o governo espanhol tinha dado 'luz verde' para o recomeço dos desportos profissionais e que a Liga espanhola poderia iniciar-se a partir de 11 de junho.

Na sexta-feira, a Liga espanhola tinha dito que o dérbi entre Sevilha e Bétis ia assinalar em 11 de junho o recomeço da época 2019/20, três meses após a sua suspensão devido à pandemia da covid-19.

Entre 06 e 08 de março disputou-se a última jornada da competição, que é liderada pelo campeão FC Barcelona, com mais dois pontos do que o rival Real Madrid, enquanto o Sevilha é terceiro, a 11 pontos da frente.

Após a declaração de pandemia, em 11 de março, as competições desportivas de quase todas as modalidades foram disputadas sem público, adiadas – Jogos Olímpicos Tóquio2020, Euro2020 e Copa América -, suspensas, nos casos dos campeonatos nacionais e provas internacionais, ou mesmo canceladas.

Os campeonatos de futebol de França, Escócia, Bélgica e dos Países Baixos foram cancelados, enquanto outros países preparam o regresso à competição, com fortes restrições, como sucede em Inglaterra, Itália, Espanha e Portugal, que tem o reinício da I Liga previsto para 03 de junho. A Liga alemã foi retomada em 16 de maio.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.