O Kabuscorp do Palanca defronta sábado, no Estádio 11 de Novembro, o Petro de Luanda no desafio, teoricamente, mais equilibrado da 24ª jornada do Girabola 2018/19, que pode levar os petrolíferos a alcançar o líder 1º de Agosto (48 pontos), em caso de derrota deste.

O confronto colocará em campo o segundo (Petro, 45 pontos) e o sexto classificados (Kabuscorp 31 pts), formações que juntas acumulam 16 títulos do principal campeonato nacional de futebol e à muito procuram aumentar este troféu nas suas galerias.

O conjunto palanquino tenta inverter o histórico dos últimos cinco desafios, onde conta três derrotas, uma vitória e um empate, mas tem pela frente um adversário bastante experiente e motivado pelo facto de ter vindo a “galgar” terreno na luta pelo troféu, estando somente a três pontos do líder e com um jogo a menos.

Ambos obtiveram um empate nulo na ronda anterior (23ª), sendo o Kabuscorp diante do Recreativo do Libolo e o Petro frente ao 1º de Agosto, mas o triunfo (2-1), quarta-feira, dos “petrolíferos” sobre os “libolenses”, em acerto de calendário, certamente que veio galvanizar a equipa para o desafio deste sábado.

Caso vença e o 1.º de Agosto perca ante o Saurimo FC, os “tricolores” somarão os mesmos 48 pontos que os “militares”, mas com grandes possibilidades de passar à frente na classificação, visto ter por defrontar ainda esta equipa da Lunda Sul para acerto da 18ª jornada.

Em 23 jogos entre si, a nível do Girabola, petrolíferos e palanquinos registam oito vitórias cada, igual número de derrotas e sete empates. Já a diferença quanto aos títulos é abismal, com a turma do “Eixo-viário” a somar 15 e o adversário apenas um.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.