O médio ofensivo Carlinhos e o lateral direito Mira integram a lista dos dispensados da equipa de futebol do Petro de Luanda, apurou esta quarta-feira a Angop, de fonte do clube, segundo classificado do recém-terminado Girabola 2018/19.

O defesa central Élio também não fará parte do plantel na próxima época, segundo uma lista de dispensados publicada no Facebook do clube em que não consta o nome do capitão Job, conforme é veiculado nas redes sociais, desde terça-feira.

Na última época, devido a lesões, os três atletas não jogaram com regularidade no Girabola, na Taça de Angola e nem na Taça da Confederação.

Carlinhos faz parte do plantel desde 2017, ano em que conquistou a Taça de Angola. O jogador participou nos cinco jogos que o Petro disputou na Taça da Confederação, enquanto no Girabola esteve em apenas 15 dos 30 jogos possíveis, tendo marcado dois golos.

Élio chegou ao catetão em 2015 depois de ter representado o Kabuscorp do Palanca e Interclube. Fez três jogos na última edição da Taça da Confederação e seis no Girabola 2018/19.

Mira, 28 anos, assinou pelo clube do eixo viário em 2012 e realizou apenas quatro jogos no campeonato nacional e um na Taça da Confederação.

Quanto aos reforços, nada ainda foi adiantado oficialmente. Segunda-feira, em conferência de imprensa de balanço da temporada, o presidente do clube, Tomás Faria, confirmou apenas negociações com atletas nacionais e estrangeiros.

Entretanto, segundo uma notícia veiculada pelo diário de notícias do Quénia “Daily Nation”, o Petro de Luanda oficializou o interesse pelo ponta-de-lança ruandês Jacques Tuyisenge (27 anos), estando a decorrer os trâmites legais para que tal se concretize.

De 1,80m, Jacques Tuyisenge marcou quatro golos em seis jogos na Taça da Confederação Africana 2018/19 pelo Gor Mahia do Quénia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.