O treinador português falou mais uma vez sobre o seu futuro profissional, desta vez em entrevista ao jornal italiano 'La Gazzetta dello Sport', e admitiu que gostaria de voltar ao campeonato italiano.

"As grandes equipas estão a trabalhar para atacar o domínio da Juventus. Acho que em breve veremos uma Serie A mais animada, com nível competitivo mais elevado, e mais investimento. Mais razões para escolher Itália", referiu o técnico.

Quanto ao clube que escolheria na Serie A, Mourinho não quis responder, mas deixou algumas pistas. "Prefiro não dizer, mas, para o futuro, estou à procura de um clube com empatia total, envolvimento e pessoas felizes a trabalhar, como encontrei no Inter", atirou.

José Mourinho foi ainda confrontado com as opiniões dos críticos, que garante que ele já não é "especial". "Sou o mesmo de sempre. A minha zona de conforto é ganhar desde 2003. Nunca saí do meu ambiente natural, ou melhor, saí durante 18 meses. Só passaram 18 meses desde que ganhei a Liga Europa com o Manchester United e agora ainda tenho mais vontade de voltar. Estou em grande forma e cheio de força, como no primeiro dia", garantiu o 'Special One'.

"É um período da minha vida em que analiso o que vejo e leio, estudo, divirto-me com as colaborações com as televisões. Estou muito calmo, mas, ao mesmo tempo, tenho uma enorme vontade de voltar", admitiu o treinador português de 56 anos.

Recorde-se que José Mourinho passou pela Serie A nas temporadas 2008/2009 e 2009/2010, ao serviço do Inter de Milão. No comando do emblema italiano, o treinador português conquistou dois campeonatos italianos, uma Supertaça de Itália e uma Taça de Itália.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.