A liga grega de futebol retirou hoje três pontos ao Panathinaikos, mas ordenou o reatamento do jogo com o Olympiacos, da 25.ª jornada do campeonato, que foi suspenso em 17 de março por comportamento incorreto dos adeptos.

Em comunicado, o organismo revela que decidiu aceitar o pedido do Panathinaikos para reatar o dérbi com a formação liderada pelo português Pedro Martins, que foi interrompido aos 70 minutos, no estádio Olímpico de Atenas, com o marcador favorável ao Olympiacos.

Com os portugueses José Sá e Daniel Podence a titulares e o compatriota Roderick Miranda no banco, o Olympiacos vencia por 1-0, com um golo do espanhol Miguel Guerrero, aos 53 minutos.

O encontro, que foi interrompido pela primeira vez aos cinco minutos, devido a uma invasão do relvado, voltou a parar aos 70 minutos, por comportamento incorreto dos adeptos, o que levou o árbitro alemão Marco Fritz a tomar a decisão de o suspender.

O Panathinaikos recebeu a segunda dedução de pontos na temporada e ficou condenado ao pagamento de uma multa de 94.500 euros, além da imposição de disputar os dois próximos jogos em casa à porta fechada, mas deve recorrer antes que a liga grega tome uma decisão final sobre as condições em que serão realizados os 20 minutos em falta.

O campeonato grego é liderado pelo PAOK, seguido pelo Olympiacos, enquanto o Panathinaikos baixou dois lugares, até à nona posição, em igualdade com o Panionios e Xanthi.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.