O Newcastle Jets, último classificado da Liga australiana de futebol, perdia por 0-3 no terreno do Melbourne Victory quando começaram a chegar ao CEO do clube vários currículos de treinadores.

"Depois do terceiro golo, recebemos seis currículos. Enquanto o jogo decorria. Acho que foi de mau gosto alguns agentes terem-no feito durante a partida", contou Lawrie McKinna à Fox Sports.

O dirigente acrescenta que, no dia seguinte ao jogo [derrota dos Jets por 4-0], chegaram "mais 10 currículos", entre os quais o de Sven-Goran Eriksson.

O então treinador Ernie Merrick acabaria mesmo por ser despedido, mas o sucessor ainda não foi revelado.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.