O Shanghai SIPG, treinado pelo português Vítor Pereira, falhou hoje a possibilidade de se juntar a Beijing Guoan e Guangzhou Evergrande na liderança do campeonato chinês de futebol, ao empatar 0-0 com o Tianjin Tianhai, na quinta jornada.

Com o ‘nulo’ concedido frente ao 14.º e antepenúltimo classificado, o campeão chinês ficou a dois pontos do Beijing Guoan, com menos um jogo realizado, e do Guangzhou Evergrande, que hoje se impôs por 2-1 na receção ao Shandong Luneng, graças a um ‘bis’ do brasileiro Talisca, ex-jogador do Benfica, que marcou o golo do triunfo aos 90+5 minutos.

O Shanghai SIPG, que na época passada se sagrou pela primeira vez campeão chinês, sob o comando técnico de Vítor Pereira, quebrando uma série de sete títulos seguidos do Evergrande, manteve-se no terceiro lugar, mas pode ficar a cinco pontos do Beijing Guoan, caso a equipa da capital se imponha no sábado no estádio do Hebei China Fortune.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.