Rúben Dias foi o jogador escolhido para fazer, juntamente com Fernando Santos, a antevisão ao duelo com o Luxemburgo, marcado para esta sexta-feira (19h45), no Estádio de Alvalade, referente à qualificação para o Euro 2020.

Renovação com o Benfica?: "Não vou responder a essa questão, porque estou ao serviço da Seleção e não do meu clube."

Jogo com o Luxemburgo: "As expectativas passam por ganhar. Queremos sempre duas coisas: ganhar e, se possível, com confiança e consistência."

Falhas na defesa: "No último jogo houve situações que nos provocaram desconforto, tendo em conta o domínio que queremos ter sobre os nossos adversários, mas essas questões estão constantemente a ser trabalhadas e estão melhores do que em situações anteriores."

Ansioso por fazer dupla com Rúben Semedo?: "Estou sempre ansioso para jogar o jogo a seguir. Seja quem for o parceiro, tenho sempre orgulho no colega que tenho ao meu lado, mas o verdadeiro orgulho é poder estar no onze. Isso são questões secundárias."

Regresso de Pepe à convocatória: "É sempre bom ter os grandes jogadores disponíveis, por isso é sempre bom ter um dos nossos aqui connosco."

Perigos do Luxemburgo: "Já tivemos oportunidade de ver a equipa deles. É uma equipa organizada, que valoriza a posse, uma equipa perigosa e com boa qualidade de passe."

Caso Bernardo Silva: "Acho que escolheram a pior pessoa para abordar um caso do género. O Bernardo é uma pessoa respeitadora, incrível. É espetacular a nível de socialização, seja com que colega for, de que cor for, ele dá-se bem com toda a gente. Vou esperar que tudo corra pelo melhor."

Os campeões europeus recebem o Luxemburgo, num jogo com início marcado para as 19h45, e deslocam-se a Kiev na segunda-feira, para defrontar a Ucrânia, que lidera o grupo B.

Em caso de vitória nos dois jogos, e se a Sérvia não vencer na Lituânia, também no dia 14, Portugal garante logo um lugar na fase final do próximo Europeu e mantém-se na luta pelo primeiro lugar do grupo com os ucranianos.

A Ucrânia lidera o grupo com 13 pontos, seguida de Portugal, que tem oito, mas menos um jogo. A Sérvia é terceira, com sete, à frente do Luxemburgo, que tem quatro, e da Lituânia, com um.

O Portugal-Luxemburgo vai ter arbitragem do polaco Daniel Stefanski.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.