O Egito, já na condição de apurado para os oitavos de final da Taça das Nações Africanas de futebol (CAN2019), concluiu hoje a fase de grupos só com triunfos, ao vencer o Uganda, por 2-0.

Na última jornada do grupo A, a seleção comanda pelo mexicano Javier Aguirre resolveu o jogo nos primeiros 45 minutos, graças aos tentos apontados por Mohamed Salah, aos 36, e por Ahmed Elmohamady, aos 45+1, face uma seleção que também seguiu para os ‘oitavos’.

O avançado dos ingleses do Liverpool apontou o seu segundo tento na competição, na cobrança de um livre direto, 10 minutos antes de Elmohamady também marcar pela segunda, ao apanhar a defensiva adversária descompensada para deixar os egípcios ainda mais confortáveis.

Por seu lado, o Congo goleou o Zimbabué, que ficou pelo caminho, por 4-0, face aos remates certeiros de Bolingi, aos quatro minutos, Bakambu, aos 34 e 65, o último de grande penalidade, e Assombalonga, aos 78.

O Egito terminou o grupo no primeiro lugar, com nove pontos, à frente do Uganda (quatro), enquanto a seleção do Congo concluiu a ‘poule’, com três, no terceiro posto, e aguarda agora pelo desfecho dos restantes grupos, para, eventualmente, atingir os ‘oitavos‘ na condição de um dos quatro melhores terceiros.

Nos encontros do grupo B também realizados hoje, o Madagáscar surpreendeu a Nigéria, ao vencer as ‘super águias’ por 2-0, mas ambas as seleções seguem em frente.

A Guiné Conacri bateu o Burundi pelo mesmo resultado (2-0) e está bem colocada para ser um dos quatro melhores terceiros classificados e aceder aos ‘oitavos’, ao contrário do adversário, que se despediu da CAN só com derrotas.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.