O treinador da Académica do Porto Novo, Gunga Fonseca, atribui esta sexta-feira, ao Mindelense, o favoritismo do jogo deste sábado, em São Vicente, a contar para a quarta jornada do grupo A do campeonato nacional de Futebol.

“Vamos ter um Mindelense ofensivo, que vai querer ter bola, mas isso pode ser vantagem para a Académica do Porto Novo, que gosta de jogar em São Vicente”, sublinhou o técnico dos representantes de Santo Antão – Sul, para quem, apesar do “favoritismo” do adversário, a sua equipa vai, também, querer ganhar.

A Académica do Porto Novo espera “um ambiente adverso” em São Vicente, mas, segundo Gunga Fonseca, a sua formação está já habituada a essas situações, pelo que, com as suas armas e aproveitando os pontos fracos do Mindelense, espera vencer no Adérito Sena, para continuar a pensar na próxima fase da prova.

“A Académica tem as suas armas e vamos tentar equilibrar os pontos fortes do Mindelense e explorar os seus pontos fracos”, adiantou o técnico dos campeões em título em Santo Antão – Sul, que repartem a liderança do grupo com o Mindelense, ambos com cinco pontos.

Na terceira jornada, disputada no Porto Novo, a Académica e o Mindelense empataram a uma bola.

O facto do Estádio Municipal do Porto Novo ter sido escolhido para receber a final do campeonato nacional de futebol constitui, para o treinador portonovense, “uma motivação extra” para a sua equipa, que assumiu, esta temporada, a candidatura ao título.

No outro jogo do grupo A, a Académica da Praia, com quatro pontos, desloca-se a Boa Vista para defrontar o Sal Rei, o último, com apenas um ponto.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.