O Petro de Luanda empatou, este sábado, a zero diante do Kampala City do Uganda, em jogo da primeira "mão", resultado que pode ser comprometedor para a entrada do vice -campeão angolano a fase de grupo da Liga dos Clubes Campeões Africanos.

Os “tricolores”, que marcaram presença na referida etapa da prestigiada competição continental há 18 anos, mostraram alguma insegurança ao longo da partida.

Os angolanos, que tiveram um adversário ousado e com um futebol de qualidade elevada, não conseguiram fazer golos e intimidar o seu oponente, que em determinado período do desafio demonstrou que estava a jogar no seu reduto.

Com um desfalque de avançados, os “ tricolores” não conseguiram fazer golos, apesar das inúmeras oportunidades criadas pelo conjunto.

Apenas aos 18 minutos, Manguxi com um forte remate levou o perigo para a baliza contraria, tendo a etapa inicial terminado sem qualquer golo.

Os défices na finalização continuaram durante a partida e o vice-campeão angolano colocou em campo Ladilson, Dany e Diogenes, que revolucionaram a frente de ataque, mas o golo teimava em entrar.

Os últimos cinco minutos foram de grande intensidade por parte do Petro que rematou várias vezes, mas sem que a bola fosse para o fundo da baliza contraria.

As duas equipas voltam a jogar a 27 deste mês, na cidade de Kampala, no Uganda, e em caso de empate com golos o representante angolano garante a qualificação a fase de grupos.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.