O treinador André Schubert, que orientava de forma interina o Borussia Mönchengladbach desde a saída do suíço Lucien Favre, assinou contrato até 2017 como técnico principal, anunciou hoje o clube que alinha no campeonato alemão de futebol.

“André desenvolveu nestas últimas oito semanas um trabalho muito convincente e obteve resultados excecionais”, observou o diretor desportivo do Borussia Mönchengladbach, Max Eberl, em comunicado.

A equipa do estado da Renânia do Norte-Vestefália ocupava os últimos lugares do campeonato germânico quando Favre deixou o clube, em setembro, mas subiu até ao atual sexto lugar sob a liderança de Schubert, de 44 anos.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.