O dirigente do Bayern de Munique Karl-Heinz Rummenigge declarou-se nesta quinta-feira um "grande fã" do colombiano James Rodríguez, emprestado pelo Real Madrid ao clube alemão, mas que não está a ser aproveitado na equipa titular por Niko Kovac.

Sobre a possibilidade de James continuar em Munique depois do fim da atual temporada, quando termina o empréstimo, Rummenigge mostrou-se prudente ao afirmar que James ficará "se para ele e para nós for a melhor decisão".

"Reconheço que sou um dos seus grandes fãs", afirmou o ex-jogador alemão, de 63 anos, durante um congresso em Dusseldorf.

"É um grande jogador com talvez o melhor pé esquerdo de toda a Bundesliga. Acho que todos queremos ver mais vezes James em campo, mas a decisão cabo ao técnico. Preciso de dizer sinceramente: esse jogador encanta-me", completou.

Para o técnico Niko Kovac, o colombiano de 27 anos não é, contudo, um titular indiscutível da equipa. James só foi titular desde o início nesta temporada em cinco dos 19 jogos.

Na semana passada, o técnico croata instigou James a "jogar pelo seu futuro".

"Ele está a jogar pelo seu futuro. Qualquer um, se quer um novo contrato, tem que oferecer o seu melhor rendimento. Isso também é válido para ele, mas tenho certeza de que conseguirá", afirmou Kovac.

Vários jornais espanhóis e ingleses afirmam que o Liverpool, adversário do Bayern nos oitavos de final da Liga dos Campeões, está interessado em contratar James.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.