O diretor técnico do Eintracht Frankfurt, Fredi Bobic, falou em declarações ao jornal italiano 'Gazzetta dello Sport' sobre o futuro de André Silva, autor do tento de horna da sua equipa na derrota por 3-1 ante o Borussia Monchengladbach no regresso da Bundesliga, dando conta da vontade de mander o avançado internacional português, que se encontra no clube emprestado pelo AC Milan.

"A nossa intenção é clara, queremos manter André Silva depois do empréstimo de duas épocas, mas naturalmente que temos de lidar com a realidade do momento", explicou o dirigente.

André Silva está cedido ao Eintracht até junho 2021, num negócio que envolve tmbém o croata Ante Rebic, que efetuou o caminho inverso, e Fredi Bobic não poupa elogios ao português. "Gostamos muito dele, tanto a nível pessoal como profissional. Diz-nos repetidamente que está muito feliz na Alemanha. Para nós foi importante assegurar o empréstimo de dois anos, porque ele andou a mudar de país nos últimos anos e nós queríamos mostrar que podíamos dar-lhe consistência", sublinhou.

André Silva soma, até ao momento, nove golos em 26 jogos pelo conjunto de Frankfurt, onde também atua outro ponta-de-lança internacional português, Gonçalo Paciência.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.