O regresso da Liga alemã de futebol fez disparar as audiências do principal detentor dos direitos televisivos da Bundesliga, com 3,68 milhões de telespetadores nos seus canais pagos e 2,45 nos de sinal aberto.

A informação é avançada pelo site especializado DWDL.de, indicando que a Sky alemã obteve mais de seis milhões de telespetadores, com 3,68 no sistema pago, números que duplicam os habituais registos.

Na quota de mercado, a estação atingiu 27,4% entre os canais pagos e 18,2% nos gratuitos, com a faixa etária entre os 14 e os 49 anos a atingir 60%, um valor recorde para a estação.

A Liga alemã de futebol regressou no sábado, depois de mais de dois meses de suspensão, devido à pandemia da covid-19, numa jornada que prossegue hoje e termina na segunda-feira.

Após a declaração de pandemia, em 11 de março, as competições desportivas de quase todas as modalidades foram disputadas sem público, adiadas – Jogos Olímpicos Tóquio2020, Euro2020 e Copa América -, suspensas, nos casos dos campeonatos nacionais e provas internacionais, ou mesmo canceladas.

Os campeonatos de futebol de França, dos Países Baixos e da Bélgica foram cancelados, enquanto outros países preparam o regresso à competição, com fortes restrições, como sucede na Inglaterra, Itália, Espanha e Portugal, que tem o reinício da I Liga previsto para 04 de junho.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou perto de 312 mil mortos e infetou mais de 4,6 milhões de pessoas em 196 países e territórios. Mais de 1,6 milhões de doentes foram considerados curados.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.