Patrício Rubio, jogador do Everton e que dividiu o balneário com Ronaldinho durante a passagem do brasileiro pelo Querétaro [em 2014/15], do México, recorda os hábitos do antigo internacional pela canarinha agora em prisão domiciliária.

Rubio recorda que o brasileiro nunca foi a nenhum treino marcado para a segunda-feira e explica porquê.

"Jogávamos sempre às sextas-feiras em casa, porque no México cada equipa tem o seu próprio calendário durante a competição. Ronaldinho terminava o jogo, apanhava um avião particular e ia para Cancun ou Playa del Carmen", recordou em declarações a um programa mexicano, prosseguindo.

"Voltava à terça-feira e à segunda-feira nunca treinou. Ele era um craque".

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.