Na 'La Liga', o Sevilha é líder isolado depois de vencer o Alaves por 0-1. Daniel Carriço foi titular na vitória que deixa o clube de Julien Lopetegui com mais um ponto que o Atlético de Madrid. Os ‘colchoneros’ perderam em casa da Real Sociedad por 3-0, num jogo que contou com João Félix a titular, saindo aos 57 minutos.

O Granada, recém-promovido ao escalão principal continua a surpreender, Rui Silva e Domingos Duarte alinharam na visita ao Celta de Vigo que terminou com a vitória dos visitantes por 0-2.

Ruben Vezo esteve perto de empatar um jogo louco no Santiago Bernabéu. O Real Madrid saiu para o intervalo a vencer por 3-0, mas viu o Levante chegar aos 3-2. O empate foi evitado por Courtois aos 90+2 minutos em resposta ao cabeceamento do português.

Em Camp Nou, o Valência, que contou com Gonçalo Guedes a titular, saiu de campo com uma pesado derrota frente ao Barcelona (5-2) que contou com Nélson Semedo durante os 90 minutos.

Mais cedo saiu William Carvalho, expulso aos 25 minutos no empate do Bétis a uma bola frente ao Getafe.

Passamos os Pirenéus e seguimos para terras francesas onde, num duelo de treinadores portugueses, André Villas-Boas bateu Leonardo Jardim. O Marselha saiu vencedor por 4-3 frente ao Mónaco com Gélson Martins a titular e Adrien Silva a entrar aos 69 minutos para o lugar de Fabregas. Os monegascos estão no penúltimo lugar com apenas dois pontos.

Ainda no capítulo dos treinadores portugueses, Paulo Sousa e o Bordéus resolveram o jogo nos primeiros dez minutos, batendo o Metz por 2-0 em casa.

Com José Fonte a titular e Renato Sanches a entrar aos 71’, o Lille venceu por 2-1 o Angers. Pedro Mendes foi totalista na vitória do Montpellier em casa pelo mesmo resultado frente ao Nice.

Para lá do Canal da Mancha, os portugueses não tiveram um fim de semana muito positivo na Premier League.

A armada portuguesa do Wolverhampton foi sujeita a uma goleada em casa imposta pelo Chelsea (2-5). Os Wolves contaram com Rui Patrício, Rúben Neves, João Moutinho e Diogo Jota numa derrota que os colocam nos últimos lugares da tabela.

Bernardo Silva ainda assistiu Aguero para o primeiro golo do Manchester City que reduziu a diferença no marcador frente ao Norwich, numa altura em que os ‘citizens’ perdiam por 2-0. Ainda assim, não foi suficiente com o City a sofrer a primeira derrota do campeonato contra os ‘canários’ recém-promovidos por 3-2. João Cancelo ficou no banco dos campeões ingleses.

Marco Silva continua sem vencer fora de casa com o Everton a perder na visita ao Bournemouth por 3-1. André Gomes não foi opção para os ‘Toffees’. Já Ricardo Pereira foi titular pelo Leicester, mas não conseguiu evitar a derrota dos ‘Foxes’ frente ao Manchester United por 0-1.

O único português a contrariar a tendência foi Cédric Soares que foi titular na vitória do Southampton frente ao Sheffield United por 1-0.

Em Itália, Ronaldo ficou em branco no empate a zeros da Juventus frente à Fiorentina e que deixa o clube do português a dois pontos do líder Inter (nove pontos).

Paulo Fonseca conseguiu a sua primeira vitória com a Roma ao vencer o Sassuolo em casa por 4-2.

Já Miguel Veloso foi totalista na derrota do Verona contra o AC Milan (0-1) e Bruno Alves foi titular na derrota do Cagliari frente ao Parma (3-1).

Na Alemanha, Raphael Guerreiro marcou o terceiro golo da vitória do Borussia Dortmund por 4-0 na recepção ao Bayer Leverkusen.

Quem também marcou foi Gonçalo Paciência mas não foi suficiente para evitar a derrota do Eintracht Frankfurt frente ao Augsburgo por 2-1. O Eintracht contou também com André Silva no onze inicial.

Em Atenas, o Olympiacos de Pedro Martins com José Sá e Podence de inicio goleou o Atromitos por 5-0 e Abel Ferreira somou a terceira vitória com o PAOK a bater o Volos por 2-3.

A terminar, o início perfeito de Luís Castro no Shakhtar Donetsk. Em sete jogos o técnico soma sete vitórias, a última em casa por 4-3 frente ao Zorya Luhansk. A equipa comandada pelo português é líder destacado da liga ucraniana com mais sete pontos que o segundo classificado, o FC Desna Chernihiv.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.