As seleções de Angola e do Burkina Faso jogam às 16h30 desta terça-feira, em Agadir, na abertura do grupo D do Campeonato Africano das Nações para futebolistas que atuam nos respetivos países (CHAN), que decorre em Marrocos.

De resultado imprevisível, em virtude desta prova ser meramente para atletas internos, sem recurso aos da diáspora, onde os burkinabes têm vários recursos, desde Pitróipa, Bance, Traoré, entre outros, ao contrário dos angolanos, os dois países vão desta forma começar a definir posições nesta série, onde constam ainda os Camarões e o Congo, que fecham a primeira jornada, às 19h30.

Uma vitória levantará os índices motivacionais dos jogadores, por isso os pupilos do selecionador Srdjan Vasiljevic tudo farão para começar com pé direito, sob pena de porem em risco os seus objetivos, que é passar da fase de grupos.

Apesar de uma preparação atribulada, com jogadores do 1º de Agosto a declinarem a seleção, bem como o início tardio dos trabalhos, o sérvio, como ele próprio diz, montou um conjunto forte, com espírito de união, capaz de fazer frente a qualquer adversário, mas sem contudo fazer promessas quanto à conquista do título.

Para fazer face a estes intentos, o técnico levou um leque de futebolistas, entre jovens e veteranos, nomeadamente Landu, JB, Rui, Vá, Almeida, Herenilson, Manguxi, Mira, Wilson, Job, To Carneiro, Nary, Moco, Mano Calesso, Medá, Lito, Gui, De Paizo, Caporal, Celso Barros, Chiló, Fofó e Paty.

Do lado contrário, o português Paulo Duarte chamou os guarda-resdes Adama Sawadogo,  Aboubacar, Balbone, os defesas Elisee Sou, Beao, Outtara, Moussa Sory, Severin Maore, Nikiema, Samou, Nouma, os médios Guiro, Adama Barro, Bandé, Abem, Ousmane Siry, Bmbara, Kabore, Sylla e os atacantes Djibril Outtara, Zongo, Kompaore e Romeo Boni.

Angola e Burkina Faso nunca se defrontaram para o CHAN, mas no historial já jogaram seis vezes, com vantagem para os burkinabes, de três vitórias, contra duas, dos angolanos. Os dois combinados empataram ainda em uma ocasião.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.